segunda-feira, 16 de maio de 2011

Mulher fruta



Não é que ela não gostasse de estar apaixonada ou de estar com alguém, era simplismente a nessecidade de se dar um tempo, uma pausa em seus compassos. Queria se enchergar melhor, ver luzes que outros olhos não a deixavam ver. E como isso a estava fazendo bem!!! Estava adorando a sua propria companhia. Mas aí vieram os outros, que a tentavam decifrar. Não entendiam que ela estava bem sem um namorado e insistiam em dizer que não se é feliz sozinho. Ela não estava sozinha, só não tinha um namorado, quanta diferença, pensava. Estava sempre Cercada de pessoas. Havia muita gente em sua vida, havia muita felicidade em seu olhar. Cansou então dos comentários e dos ridiculos olhares de pena e então abriu a janela do seu quarto e gritou para os vizinhos:
NÃO SOU MEIA LARANJA PROCURANDO A OUTRA METADE, EU NUNCA QUIS SER MULHER FRUTA MESMO!!!
Sabia que na hora certa estaria pronta para amar, mas agora estava feliz com a liberdade de sua companhia.

2 comentários:

  1. Adorei o "desabafo", continue assim com as palavras, beijão!

    ResponderExcluir
  2. Muito sábio Aninha!

    Tenha um lindo final de semana flor!

    Beeijo

    ResponderExcluir